Saúde oral: inflamações bucais podem indicar deficiências nutricionais

nutricao-saude-oral-inflamacoes

A saúde geral do corpo começa pela boca através de hábitos saudáveis, com uma alimentação rica em nutrientes e visitas regulares ao seu dentista. Ao não receber uma nutrição adequada, ou fazer o uso de algumas medicações, o organismo sinaliza uma possível carência nutricional através de alterações em vários locais da boca.

Vários estudos comprovam a conexão entre inflamações existentes na boca e inflamações sistêmicas ou em distantes partes do corpo.

Saúde oral: Alimentos saudáveis evitam inflamações bucais
Muitas vezes as alterações bucais são o primeiro sinal de alerta do organismo. É o seu corpo pedindo certo tipo de nutriente que ele está carente.

Durante a consulta odontológica com um Estomatologista, é possível detectar condições clínicas que evidenciam uma carência nutricional como boca seca (Xerostomia), dificuldade no controle de cáries, inflamações constantes, sangramento gengival e aftas, por exemplo.

O Estomatologista é o profissional qualificado para correlacionar  sua condição salivar, metabólica e nutricional com as manifestações orais presentes. A consulta estomatológica conta com avaliação clínica,  testes salivares e laboratoriais, além de exames de imagem para um detalhamento completo da condição apresentada.

A inflamação de dentes e gengivas pode estar ligada a uma dificuldade de controle da diabetes, hipertensão, colesterol, triglicerídeos, entre outras. Além disso, focos de inflamação na boca podem aumentar o risco de infartos, doenças cardiovasculares, abortos e partos prematuros.

Confira abaixo alguns exemplos de carências nutricionais e suas manifestações bucais:
  • Alimentos saudáveis e uma saúde bucal feliz
    É importante ter uma alimentação rica em vitaminas e minerais; e uma boa hidratação. O cigarro é um vilão para sua saúde bucal e geral.

    Cálcio – perda dentária prematura, tendência a cárie, manchas no esmalte, sangramento gengival, dificuldade de cicatrização óssea.

  • Magnésio – hipoplasia de esmalte, alterações ósseas (mudança do padrão), retardo na erupção, reabsorção dentária aumentada, exostoses (calos ósseos), erosões dentárias, tendência a doença periodontal, aumento da formação de cálculo nos dentes e cálculo salivar (pedra salivar).
  • Ferro – aftas, língua careca, queilite angular (feridas no canto da boca), queimação bucal, tendência a infecções oportunistas (candidíase), aumento do risco de câncer de boca.
  • Vitaminas B2, B3 e B12 – aftas, língua careca, lábios ardendo, halitose, boca seca, alteração do paladar, queilite angular (feridas no canto da boca), queimação bucal, tendência a infecções oportunistas (candidíase), aumento do risco de câncer de boca.
  • Vitamina C – sangramento gengival, mobilidade dentária, retardo na cicatrização, alteração do paladar, tendência a cárie, doença periodontal e doenças oportunistas.
  • Vitamina D – hipoplasia de esmalte, tendência à cárie, boca seca, sangramento gengival, risco de sangramento, infecções oportunistas.
  • Zinco – perda do paladar, boca seca, tendência a doença periodontal e ardência bucal.

Se você apresenta algumas dessas alterações, ou apresenta dificuldade no seu acompanhamento periodontal ou no controle de cáries, visite seu Estomatologista.

Hábitos saudáveis e acompanhamento profissional são fundamentais para a saúde geral do indivíduo. O acompanhamento multiprofissional é o melhor meio de cuidar da sua saúde como um todo. 😉

Por Beatriz Venturi.
Estomatologista na Clínica Guilherme Rothier.


Precisa cuidar da sua saúde bucal?
(21) 2295-7744 / (21) 96899-2262

Conheça a Clínica Odontológica em Ipanema do Dr Guilherme Rothier e saiba mais sobre saúde oral e outros assuntos relacionados a estética dos dentes. Entre em contato e agende uma consulta.

WhatsApp Chat