Periodontia em Ipanema

O objetivo na periodontia é manter os dentes e a gengiva do paciente sempre saudáveis. Por meio do tratamento periodontal cuidamos dos tecidos das gengivas, do ligamento periodontal, do cemento radicular e do osso alveolar.

A doença periodontal é uma doença crônica que atinge os tecidos de sustentação dos dentes (osso, ligamento periodontal e cemento). Apesar de ser provocada por bactérias (encontradas na placa bacteriana), a maior parte dos danos causados pela doença periodontal deve-se à destruição dos tecidos por agentes do próprio organismo, gerados durante a resposta a essas bactérias.

A maior parte da população adulta sofre de algum tipo de doença periodontal. Conheça as mais comuns:

  • Gengivite: forma mais branda que afeta apenas as gengivas;
  • Periodontite crônica: há envolvimento de tecido ósseo (perda óssea e gengival);
  • Periodontite agressiva: ocorre em pacientes não saudáveis;
  • Periodontite como manifestação de doença sistêmica;
  • Periodontite necrótica: observadas com maior frequência em pacientes com infecção por HIV, nutrição falha e imunodepressão. O estresse, o fumo e uma higiene bucal inadequada também contribuem com este problema.

Conheça alguns sinais da doença periodontal:

  • Sangramento;
  • Mobilidade nos dentes;
  • Retração gengival;
  • Gengiva inchada e sensível
  • Mau hálito constante;
  • Pus entre o dente e a gengiva;
  • Alterações na posição dos dentes.

O objetivo na periodontia é manter os dentes e a gengiva do paciente sempre saudáveis. Por meio do tratamento periodontal cuidamos dos tecidos das gengivas, do ligamento periodontal, do cemento radicular e do osso alveolar.

A doença periodontal é uma doença crônica que atinge os tecidos de sustentação dos dentes (osso, ligamento periodontal e cemento). Apesar de ser provocada por bactérias (encontradas na placa bacteriana), a maior parte dos danos causados pela doença periodontal deve-se à destruição dos tecidos por agentes do próprio organismo, gerados durante a resposta a essas bactérias.

A maior parte da população adulta sofre de algum tipo de doença periodontal. Conheça as mais comuns:

  • Gengivite: forma mais branda que afeta apenas as gengivas;
  • Periodontite crônica: há envolvimento de tecido ósseo (perda óssea e gengival);
  • Periodontite agressiva: ocorre em pacientes não saudáveis;
  • Periodontite como manifestação de doença sistêmica;
  • Periodontite necrótica: observadas com maior frequência em pacientes com infecção por HIV, nutrição falha e imunodepressão. O estresse, o fumo e uma higiene bucal inadequada também contribuem com este problema.

Conheça alguns sinais da doença periodontal:

  • Sangramento;
  • Mobilidade nos dentes;
  • Retração gengival;
  • Gengiva inchada e sensível
  • Mau hálito constante;
  • Pus entre o dente e a gengiva;
  • Alterações na posição dos dentes.

Agende uma consulta: (21) 2295-7744 e (21) 3148-8115